Brenda Ligia-Cinema,TV,Teatro

Minha foto
Brenda Ligia, atriz de cinema, está em "Todas as Cores da Noite" (Pedro Severien), "As Melhores Coisas do Mundo" (Laís Bodanzky), "Sangue Azul" (Lírio Ferreira), "Bruna Surfistinha" (Marcus Baldini), e outros. Atuou nas séries de televisão "A Mulher do Prefeito" (Rede Globo), "Beleza S/A" (GNT), "9mm SP" (Fox), "Somos Um Só" (TV Cultura), diversos comerciais e videoclipes musicais. Também é apresentadora e videomaker (roteiriza, dirige, atua e monta os próprios filmes). Estudou no Teatro Escola Macunaíma/SP; atuou em comédias, musicais, infantis e dramas. É formada em Comunicação Social pela Faculdade Oswaldo Cruz/SP, cursou Ciências Sociais na University of the West Indies (Trinidad & Tobago, Caribe) e Francês em Vevey (Suíça). Estreia em 2017: série de TV "África da Sorte" (TV Brasil) e curta-metragem "Causa Mortis", de Luiz Rodrigues. CONTATO (cinema, televisão e teatro): brenda.ligia@hotmail.com

5 de dezembro de 2013

Meu amigo oculto

Campanha Doação de Medula Óssea: "Meu Amigo Oculto" (Ministério da Saúde)
Atriz: Brenda Ligia
Diretor: Marcos Jorge
Margarida Filmes (Curitiba).
Atriz Brenda Ligia e diretor Marcos Jorge, em gravação em Curitiba (Margarida Filmes)

O TRASPLANTE DE MEDULA ÓSSEA É A ÚNICA ESPERANÇA DE CURA PARA MUITOS PORTADORES DE LEUCEMIAS E OUTRAS DOENÇAS DO SANGUE. 

Vitor Colman e Brenda Ligia
Para o doador, é apenas um incômodo passageiro. Para o paciente, é a diferença entre a vida e a morte. Normalmente, é retirado de 10% a 15% da medula óssea, o que não faz falta para o doador e se regenera em cerca de 15 dias.

O grande desafio é encontrar um doador que seja compatível: estatísticas mostram que a chance é de uma em 100 mil. Por isso, o cadastramento de doadores de medula óssea é tão importante, sobretudo no Brasil, onde a mistura de raças dificulta a localização das compatibilidades. 

Para as futuras mamães, grávidas
Durante a gravidez, o oxigênio e nutrientes essenciais passam do sangue materno para o bebê por meio da placenta e do cordão umbilical. O sangue que circula ali é o mesmo do recém-nascido. Pesquisadores identificaram no cordão umbilical um grande número de células-tronco hematopoéticas, que são células fundamentais no transplante de medula óssea, logo, este sangue adquiriu extrema importância para pessoas que necessitem do transplante. Sua doação voluntária é o primeiro gesto de amor que coroa a vida do seu bebê, ajudando a salvar outras vidas. 

Nenhum comentário: