Brenda Ligia-Cinema,TV,Teatro

Minha foto
Brenda Ligia, atriz de cinema, está em "Todas as Cores da Noite" (Pedro Severien), "As Melhores Coisas do Mundo" (Laís Bodanzky), "Sangue Azul" (Lírio Ferreira), "Bruna Surfistinha" (Marcus Baldini), e outros. Atuou nas séries de televisão "A Mulher do Prefeito" (Rede Globo), "Beleza S/A" (GNT), "9mm SP" (Fox), "Somos Um Só" (TV Cultura), diversos comerciais e videoclipes musicais. Também é apresentadora e videomaker (roteiriza, dirige, atua e monta os próprios filmes). Estudou no Teatro Escola Macunaíma/SP; atuou em comédias, musicais, infantis e dramas. É formada em Comunicação Social pela Faculdade Oswaldo Cruz/SP, cursou Ciências Sociais na University of the West Indies (Trinidad & Tobago, Caribe) e Francês em Vevey (Suíça). Estreia em 2017: série de TV "África da Sorte" (TV Brasil) e curta-metragem "Causa Mortis", de Luiz Rodrigues. CONTATO (cinema, televisão e teatro): brenda.ligia@hotmail.com

24 de março de 2012

Para almoçar num sábado de sol

Abobrinha gratinada (acompanhamento para salada mista, arroz integral, feijão e carne pra quem não for vegan)
Ingredientes:
2 abobrinhas grandes, sal, 3 ovos, ½ xícara de chá de creme de leite Nestlé, 1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado (claro que eu usei o do reino! e deu muito certo), e pimenta-do-reino. Também usei queijo ralado LIGHT, pra não estragar meu regime, ahahaha!
Modo de preparo:
Descasque as abobrinhas e corte-as em rodelas grossas (eu não descasquei porque dizem que tem muitos nutrientes ali. E o gosto da casca é bom). Coloque-as em uma panela com água e sal e leve ao fogo baixo por cerca de 10 minutos. Reserve. Bata os ovos com o creme de leite e o queijo.
Tempere com o sal e a pimenta-do-reino. Escorra bem a abobrinha e coloque-a em uma travessa. Regue com a mistura de ovos e salpique o ralado por cima. Leve ao forno médio (180ºC) pré-aquecido por cerca de 40 minutos.
E... tcham tcham tcham tcham: sucesso absoluto como acompanhamento no almoço de sábado. As crianças adoram!
PS.: Hoje em dia a gente aprende o que quiser na internet.

23 de março de 2012

Mmmm....

Esse é bonito e bem gostoso!

Bolo de laranja com cobertura de brigadeiro

Ingredientes:
2 xícaras de farinha de trigo, 2 xícaras de açúcar, 1 xícara de suco de laranja natural, 3ovos, 1 colher de chá do bom e velho fermento. Opcional: um pouco de canela em pó (porque tem aqui em casa e achei que combina).

Modo de preparo:
Bata as claras em neve, misture as gemas e o açúcar e torne a bater. Eu bato à mão mesmo, com colher de pau, porque não tenho batedeira. Depois, misture a farinha e o suco de laranja. Por último acrescente o fermento. Leve ao forno para assar em forma untada e polvilhada por cerca de 40 minutos em 180°( dependendo do forno).

Depois, coloque a cobertura de brigadeiro.
Ingredientes (cobertura):
1 lata de leite Moça, 1 colher de sopa de margarina sem sal (eu botei com sal mesmo), 7 colheres de sopa de Nescau (também da Nestlé, ora veja).

Coloque em uma panela o leite condensado, a margarina e o chocolate em pó. Cozinhe em fogo médio e mexa sem parar com uma colher de pau. Cozinhe até que o brigadeiro comece a desgrudar da panela. Então, espalhe carinhosamente esse caldo cremoso e deliciosamente engordativo sobre o bolo.

Hummm... a família brasileira ADOOORA! É de lamber os beiços.

PS1.: Hoje recebo visitas! Minha amiga da Suíça vem passar uns dias com o marido e uma criancinha lindaaaa! Uhu! <3
PS2.: Segunda-feira é dia de começar dieta. Né?

22 de março de 2012

Não é bonita, mas é muito gostosa

Ingredientes (massa):
3 ovos, 13 colheres de farinha de trigo, 1 xícara de leite, 3 colheres de queijo (eu botei queijo do reino, mas acho que pode ser qualquer um), 1 colherinha de fermento em pó, menos de meia xícara de óleo (eu usei azeite extra virgem), sal (eu usei 2 tabletes de caldo de galinha amassados).

Ingredientes (recheio):
1 cebola picada, alho, sal, 2 tomates sem pele, orégano a gosto (setembro, outubro... hahaha), cheiro verde (eu não usei porque não tinha), pimenta de cheiro (nunca ouvi falar, também não usei), azeite para refogar.

Meu recheio é de presunto e queijo (o certo era mussarela, mas botei queijo "tipo reino redondo"... :-). Mas pode ser com frango, carne, salsicha, sardinha, atum... o freguês é quem manda.

Modo de preparo:
MASSA- bata todos os ingredientes no liquidificador. O fermento por último, ok?
Unte a forma com margarina e polvilhe farinha de trigo.
Despeje a massa toda na travessa e espalhe o molho por cima (o recheio, já refogado. Eu fiz assim: primeiro fritei a cebola e o alho até dourar, depois sal e temperinhos, daí o tomate, e só por último acrescentei o presunto e o queijo).
Salpique queijo por cima (opcional). Levar ao forno pré-aquecido e deixar assar por 40 minutos.

Acabei de provar. Hummmmm... uma delícia! Não é bonita, mas é MUITO GOSTOSA!
(e fácil, fácil)

8 de março de 2012

Mano Victor

Atriz: Brenda Ligia. Texto: Edgar Victor. Câmera: Marcelo Pinheiro.O Maison Bomfim sediou o lançamento do livro Casario -Mano Victor, que reúne 50 aquarelas pintadas pelo artista pernambucano, nas quais reproduz a beleza, as minúcias e cores de construções históricas no Recife. A atriz Brenda Ligia, convidada pelos organizadores Abel e Juana Menezes, encenou "Doutor Maninho", um dos 13 textos contidos no livro, e marcou também a abertura da exposição com obras do artista plástico, disponível à visitação.

Abaixo, o vídeo da apresentação que emocionou amigos, familiares e fãs de Mano Victor que compareceram ao evento, neste dia 7 de março de 2012, em Olinda, Pernambuco, Brasil.



Agradecimentos especiais a Juana Menezes e Abel Menezes, pois sem eles nada disso teria sido idealizado.
*****************************************************************
A canção ENVELHECER, de Arnaldo Antunes, Ortinho e Marcelo Jeneci foi inspirada em Mano Victor, que deixou saudades... segue a música... e a letra. Linda, linda.
Envelhecer- Arnaldo Antunes, Ortinho e Marcelo Jeneci

"A coisa mais moderna que existe nessa vida é envelhecer
A barba vai descendo e os cabelos vão caindo pra cabeça aparecer...
Os filhos vão crescendo e o tempo vai dizendo que agora é pra valer
Os outros vão morrendo e a gente aprendendo a esquecer...

Não quero morrer pois quero ver
Como será que deve ser envelhecer
Eu quero é viver pra ver qual é
E dizer venha pra o que vai acontecer
Eu quero que o tapete voe no meio da sala de estar
Eu quero que a panela de pressão pressione
E que a pia comece a pingar
Eu quero que a sirene soe e me faça levantar do sofá
Eu quero pôr Rita Pavone no ringtone do meu celular
Eu quero estar no meio do ciclone pra poder aproveitar
E quando eu esquecer meu próprio nome que me chamem de velho gagá..."

Eu, velha gagá.