Brenda Ligia-Cinema,TV,Teatro

Minha foto
Brenda Ligia, atriz. Em 2018 estreia na série “Assédio” (Rede Globo), “África da Sorte” (TV Brasil), “Onde quer que você esteja” (longa), “Flores do Cárcere” (longa), “15 segundos” (longa), “Causa Mortis” (curta). Formada na Faculdade de Comunicação Social; curso técnico profissionalizante de Teatro (SP); curso superior na University of the West Indies (Trinidad & Tobago). 6 séries de TV (“Sob Pressão”/ Rede Globo; “A Mulher do Prefeito”/ Rede Globo); em cinema, 7 longas (“As Melhores Coisas do Mundo”/ Laís Bodanzky; “Bruna Surfistinha”); 10 curtas; 9 espetáculos teatrais; 10 campanhas (como apresentadora); 15 comerciais (publicidade, institucionais) e 8 videoclipes. Inglês fluente, francês avançado. Também diretora, roteirista e montadora de 5 curtas: “Aqui Jaz” (prêmio ‘melhor atriz de curta’ p/ Brenda Ligia no CinePE 2017), “Rabutaia”, entre outros. Contato: brenda.ligia@hotmail.com

28 de julho de 2016

Exposição DELEITE

Todos estão convidados para a abertura da Exposição Deleite, da fotógrafa Deborah Ghelman/ Deborah Ghelman Fotografia, que, nesta SMAM-Semana Mundial do aleitamento Materno, ressalta a importância da naturalização da prática em espaços públicos e os inúmeros benefícios da lactação para mães e bebês. 
Quando: 1 a 7 de agosto de 2016 
Onde: Shopping Plaza, Casa Forte, Recife, PE, Brasil
(Abertura: 01 de agosto, segunda-feira, das 19h às 21h)

Vamos nessa?

:-) 

“A Organização Mundial da Saúde e o Ministério da Saúde do Brasil, em associação com a UNICEF, empreende um esforço mundial no sentido de proteger, promover e apoiar o aleitamento materno:
-Os bebês devem receber aleitamento materno exclusivo até os 6 meses de idade. 
-A partir dos 6 meses, todas as crianças devem receber alimentos complementares e devem continuar sendo amamentadas, pelo menos, até completarem 2 anos de idade.”

<3 div="" nbsp="">

“Amamentar mesmo depois do primeiro aniversário do bebê era um hábito comum no mundo antes da invenção dos leites especiais e fórmulas infantis, e em algumas culturas continua sendo natural. Embora a criança já esteja obtendo a maioria dos nutrientes de que precisa através da comida, o leite materno ainda proporciona uma boa quantidade de calorias, vitaminas, enzimas e substâncias que elevam a imunidade. 
Estudos mostram que crianças de mais de 1 ano que mamam no peito ficam doentes com menos frequência que as que não são amamentadas. A proximidade entre mãe e filho no momento da amamentação ajuda a conquistar uma maior independência, à medida em que o bebê se sente mais seguro de si, em termos emocionais”. 
Fonte: BabyCenter

****

“Dados da UNICEF Brasil mostram que, no segundo ano de vida, 500 ml de leite materno fornece 95% das necessidades de vitamina C, 45% das de vitamina A, 38% das de proteína e 31% do total de energia de que uma criança precisa diariamente. Apesar de poucos estudos mostrarem os aspectos emocionais da amamentação continuada em comparação com o desmame precoce, existem artigos que referem que crianças amamentadas têm maiores índices de inteligência e maiores chances de serem adultos mais seguros”. 

Nenhum comentário: